Galeria

[SPOILERS] Entrevista com Jeremy Carver para o site Huffpost TV

spoilersamfinger1

Entrevista de Jeremy Carver para o site Huffpost TV

Veja a tradução da entrevista abaixo:

======================================

O quanto deveríamos confiar nas intenções de Ezekiel neste momento?

Eu acho que ele parece um cara muito honrado para mim. Eu acho que Ezekiel é um personagem muito interessante e eu não vejo nenhuma razão para não confiar em suas intenções.

 Bem, somos um grupo suspeito…

[Risos.] Sim, como é garantido ao conforme o show avança. Eu acho que vamos deixar o que temos visto, falar por si mesmo.

Eu acho que vocês fizeram um grande trabalho resolvendo alguns dos conflitos de longa data entre Sam e Dean na última temporada, mas obviamente, nós vimos os irmãos esconder segredos um do outro muitas vezes antes. Você pode falar sobre como desta vez pode ser diferente e se o desenvolvimento dos personagens na última temporada vai informar como eles resolvem os seus conflitos nesta temporada?

Bem, eu acho que o dilema aqui é diferente do que vimos nas temporadas passadas. Vai ser muito interessante dado a maneira que eles progrediram na temporada passada… e francamente, neste caso, como Dean vai lidar com isso é uma parte muito importante dos episódios que vem pela frente.

Como eles lidam com isso se torna muito mais um marco de como a temporada progride e se forma. Eu sei que nós vimos segredos antes. E sim. Este é um segredo, mas eu olho para isso com ainda mais importância como – entre o momento na igreja, e o momento que ele permitiu Ezekiel a possuir Sam – duas grandes decisões que Dean tomou que estão afetando não só a relação, mas a mitologia. Isto é o que não direciona apenas mitologia neste ano, mas também é um grande fardo para Dean, na forma que muitas vezes ele reagiu as ações e fraquezas de Sam no passado, [mas] isso é muito sobre ele. Ele realmente sente o peso disso.

 Última temporada nós vimos Dean no Purgatório e Sam lidando com os desafios com o grande arco da pedra. Nesta temporada, parece estar direcionada pela situação com os anjos e várias facções, julgando pela premiere – Que admitimos, não é muito para avançar. Você diria que os irmãos vão reagir a essas ameaças principalmente, ou vai ter mais motivações pessoais conduzindo ambos arcos mais tarde?

 Quando a premiere tomou um aspecto sobre oque estamos lidando neste ano, eu acho que do ponto de largada, eu sinto que estamos falando coisas como “panorama quebrado e uma grande variedade de personagens e vilões e pessoas vindo à tona e tirando fotos no trono,”e por assim dizer.

 Se você ver os primeiros 3 episódios desta temporada, pelo começo do 3 você tem uma boa e verdadeira ideia da amplitude da paisagem deste ano, porque o episódio 1 mostrou mais dos anjos onde [outros] episódios vão mostrar os outros componentes que os meninos estão lidando e este é do lado demoníaco das coisas. Então você vai ver uma variedade de arcos aqui, não só em termos de mitologia pesada, mas também em termos de arcos pessoais entre os irmãos, que vai ser um grande fator aqui. Você vai ver tudo isso, eu acho.

Parece que os primeiros episódios estão designados a permitir a Castiel em uma viajem de auto-descobrimento – Estamos propensos a ve-lô de volta com os meninos em uma base mais permanente em breve? Ou o arco deles é mais separado neste ano? 

 A curta resposta é que você vai ver isto tudo, mas é muito muito profundamente motivado por Cas, em que realmente queríamos dar a ele a chance de lidar com o que ele está lidando. Então queríamos que o personagem de Castiel realmente respirasse e eu não acho que seja menos interessante ou divertido ele ter viagens separadas aqui ou ali. Eu acho que certamente o personagem ganhou isso e eu não acho nada de mais dar a um personagem que é tão amado e tem sido parte do show por tanto tempo, dar a ele algumas histórias separadas para crescer.

Isto mostra que o show gira sobre os Winchester, então ele nunca está longe de seus pensamentos e existe tipos de travessias que continua. Eu não posso prosseguir mais nisso porque existem razões muito especificas que ele está tanto com eles ou não neste ano, que é profundo para os arcos pessoais entre os três.

O que você pode prever sobe o episódio que vai flash back os irmãos para quando eles eram jovens, especialmente como essa história mostra uma “uma parte de Dean que não sabíamos que existiu”?

 Eu acho que após nove anos, todos nós tendemos a colocar nossos irmãos e vários personagens de apoio em certas caixas que marcamos: “É assim que eles são, é assim que eles deveriam agir,” e eu acho que algumas vezes, nós podemos achar uma peça do passado que talvez nos faça olhar duas vezes para os nossos personagens e talvez adicionar algumas camadas extras de complexidade é sempre divertido.


Eu não posso prosseguir nesse assunto. Eu apenas deveria dizer isso… Eu estou percorrendo todo o caminho para o episódio 1 da série – como nós sempre vimos Dean Winchester, em termos de sua abordagem da vida, abordagem de caçada, é talvez não tenha sempre sido desta maneira.

Você falou na Comic-Con sobre achar diferentes aspectos das personalidades dos personagens que vocês ainda não tinham exibido nesta temporada, com os personagens perguntando “Quem sou eu?” – você pode expandir isto mais especificamente em termos de Sam e Dean, como você tocou, sentimos como se nos conhecêssemos muito bem após oito temporadas.

Sim, eu acho que o episódio n 1 estava apenas falando sobre “olhe para o passado de Dean. N 2 eu acho e novamente é um pouquinho cedo e eu estou realmente feliz em falar com você um pouco mais profundamente – porque algumas destas coisas começam mais concretizados profundamente quando avançamos nesta história desse anjo, que está possuindo Sam, o que provoca certas reações e ações dos irmãos que realmente aprofunda tudo o que você esta dizendo.

Eu acho que é um pouco cedo para mergulhar nisso, mas fique certo que você vai ver… francamente, vimos no primeiro episódio desta temporada, que em termos de ponto de vista sobre Sam estar morrendo e todas essas coisas e a maneira que as vozes em sua cabeça estavam falando com ele. É uma coisa diferente do que já vimos antes. Nós vamos construir isso como nossos irmãos, novamente, cheguem a um acordo, não apenas quem eles são e o que eles querem, mas como eles se relacionam um com o outro, avançando. Esta sempre no topo de nossa lista, continuar a plantar o que parece ganhar, mas também o novo.

========================================

Traduzido: Fabrini

Postado: Fabrini

Ao usar esta tradução em outros blogs ou sites dar crédito total pela Tradução a FABRINIS/WINCHESTERHOME 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s